DTI
Unilab

Sala do Datacenter da Unilab entra em funcionamento, ampliando a capacidade de processamento e de armazenamento dos dados

dti

A Diretoria de Tecnologia da Informação – DTI informa às comunidades acadêmica e administrativa da instituição sobre a conclusão da reestruturação da antiga sala da DTI, no campus da Liberdade, para a implantação do Datacenter da Unilab. O projeto de manutenção e reestruturação da antiga sala da DTI, no campus da Liberdade, foi elaborado e executado, de forma gradativa, através de 04 principais etapas: de planejamento (60 horas), de adequações nas infraestruturas elétrica e lógica (60 horas), de migração dos equipamentos que estavam instalados na UFC, em Fortaleza (12 horas), e de configurações e testes dos serviços (40 horas) de aplicações e de armazenamento dos dados dos sistemas institucionais informatizados. Mediante a complexidade dos sistemas da instituição, a última etapa continua sendo realizada.

 fig01          fig02  fig03
Fig. 01 – Vista frontal (portas fechadas) dos dois racks dos Equipamentos servidores instalados no Datacenter.

Fig. 02 – Vista frontal (portas abertas)

dos dois racks dos Equipamentos

servidores instalados no Datacenter.

 
Fig. 03 – Vista traseira dos Equipamentos servidores instalados no Datacenter.
 fig04  fig05
Fig. 04 – Quadro elétrico de força instalado para o Datacenter. Fig. 05 – Conjuntos de 03 nobreaks e bancos de baterias externos utilizados no Datacenter.
 
 fig06  fig07
Fig. 06 – Tomadas de alimentação dos nobreaks instalados no Datacenter. Fig. 07 – Interligação dos conjuntos de nobreaks e bancos de baterias externos, no Datacenter.
Dentre as principais melhorias e evoluções na infraestrutura de TI do Datacenter, destacam-se:
  1. Expansão na infraestrutura de TI, sendo adicionados vários equipamentos de TI e servidores, dispostos em 02 racks de tamanho 42 U, sendo 01 deles adicional;
  2. Expansão percentual de 212% da capacidade instalada de rede elétrica estabilizada e com dispositivos de proteção, decorrentes das instalações de 03 nobreaks com potência aparente nominal de 10,0 kVA cada, aumentando-se de um total de 9,6 kVA para um total de 30,0 kVA;
  3. Aumento da capacidade local de autonomia da rede elétrica estabilizada que alimenta os 02 racks, passando-se de um total de 05 minutos para um total de 35 minutos até o restabelecimento da energia elétrica, representando-se um acréscimo de 6 vezes à antiga capacidade de autonomia instalada;
  4. Maior nível de redundância de alimentação elétrica dos equipamentos da infraestrutura de TI, mediante o balanceamento da distribuição das cargas alimentadas pelos nobreaks de 10 kVA;
  5. Facilidade de desligamento parcial dos equipamentos em eventuais situações de manutenções preventivas e corretivas, proveniente da montagem do quadro de força com os circuitos elétricos específicos dos nobreaks de 10 kVA;
  6. Expansão percentual de 112% da capacidade de processamento dos principais sistemas de TI da instituição, passando-se de uma quantidade total de 08 para uma quantidade total de 17 servidores de aplicação;
  7. Expansão percentual de 167% da capacidade total bruta de armazenamento de dados dos principais sistemas de TI da instituição, em equipamentos Storages, passando-se de uma capacidade de armazenamento total bruta de 14,4 TB para uma capacidade de armazenamento total bruta de 38,4 TB;
  8. Melhoria do nível de redundância dos equipamentos de gerenciamento e balanceamento de carga de acesso aos servidores instalados nos racks, com a adição de 04 switches com suportes às tecnologias 10 Gigabit Ethernet e roteamento em camada 3 (L3);
  9. Possibilidade de acesso local aos principais sistemas institucionais como o SIG, portais Web internos e de gerenciamento da rede, em casos de perda de conexão com o link de dados externo;
  10. Elaboração de documentação técnica para eventuais situações de manutenções preventivas, corretivas e evolutivas.
Através destas melhorias na infraestrutura de TI do Datacenter, a Unilab agregará mais performance, redundância e, consequentemente, alta disponibilidade nas suas aplicações institucionais como os sistemas SIG (SIPAC, SIGAA, SIGRH, SIGPP, SIGAdmin), Pergamum (sistema informatizado para as bibliotecas), os portais Web internos e os sistemas de Rede, além de melhor nível de segurança e de capacidade na realização de backups em caso de eventuais desastres. Outra melhoria significativa é que agora, os serviços descritos acima estão funcionando em rede interna à Unilab, ou seja, caso haja problema no link externo de acesso à Internet, os serviços continuarão disponíveis para todos que acessarem internamente. A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – UNILAB, através da Diretoria de Tecnologia da Informação – DTI, agradece institucionalmente à Seção de Apoio e Manutenção – SAM e à empresa terceirizada de serviços de manutenção Daterra Construções e Serviços Ltda, pelos suportes técnico e operacional nas atividades realizadas neste projeto.  

Relatório final disponível em: http://dti.unilab.edu.br/wp-content/uploads/2015/10/Relatório-de-Atividades-Projeto-das-instalaçoes-elétricas-dos-nobreaks-na-sala-do-Datacenter-da-DTI_v2.pdf .  

Publicado em 14/10/2015

Outras notícias

Ir ao Topo da Página
Divisão de Sistemas da Informação (DSI): +55 (85) 3332.6136
Divisão de Sistemas de Redes (DISIR): +55 (85) 3332.6138
Divisão de Suporte (DISUP): +55 (85) 3332.6136
Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI): +55 (85) 3332.6136
Desenvolvido pela Seção de Portais e Aplicações Web (SPA) © 2018 - DSI/DTI/Unilab | RSS